27 de outubro de 2011

Jogos de tabuleiro para ensinar adição

Uma idéia simples, barata e que que os pequenos costumam adorar: jogos de tabuleiro. Separei dois para postar aqui.

1 - Este veio como parte integrante do livro "Vamos aprender adição", da coleção Disney na sala de aula, da qual eu não canso de fazer propaganda porque é boa mesmo, e Vinícius adora: tem joguinhos, adesivos e sugestões divertidas para despertar o aprendizado. O livro também tem uma versão para meninas com o mesmo conteúdo.

Terminamos o livro esta semana e o "prêmio" foi um jogo de tabuleiro bem interessante:


O tabuleiro é uma pista de corrida. Você pode desenhar numa cartolina ou usar um modelo como este. Os peões são carrinhos, neste caso os personagens de "Cars" impressos frente e verso num pedacinho de papel e dobrados em forma triângulo para ficarem em pé. Eu colei um suporte plástico tirado de brinquedos velhos, mas você pode fazer o triângulo de cartolina para ficar mais forte ou usar carrinhos plásticos, do tipo que se vende para pôr em sacolinha de aniversário, aqueles bem simples. Num espaço do tabuleiro ficam cartões com desenhos de troféu. Noutro espaço, ficam os cartões com as adições, virados para baixo. Se tiver paciência, plastifique tudo com papel contact para ficar mais durável (mas não faça como eu, que comprei um barato e ruim e quase ponho tudo a perder). Par ou ímpar para começar. O jogador tira uma carta de adição e faz a soma: se acertar, anda o número de casas correspondentes ao total, se errar, permanece no mesmo local. Ao passar pela linha de chegada, ele ganha um troféu. Quem ganhar 4 troféus primeiro é o grande vencedor.

O legal que achei neste jogo é que com o tempo a criança, que a esta altura já sabe contar bem e fazer alguns cálculos mentalmente (como é o caso de Vini), agora irá memorizar alguns resultados, o que a prepara para a fase da multiplicação (ah, as tabuadas...). Embora o jogo tenha sido feito para adições, nada impede de fazer cartões com subtrações, multiplicações e divisões.

2 - Este outro é o "Escadas e Serpentes". Você só precisa imprimir, arranjar dois dados (ou fazê-los), peões (gosto de usar tampinhas de remédios - sorine, meu amigão inseparável - como peões: fazia muito isso quando criança, quando eu mesma inventava meus joguinhos de tabuleiro), e sair jogando. Para proteger, coloquei a folha impressa dentro de uma pasta "C" ou pasta "L" (aquelas que parecem saquinhos plásticos). A adição é treinada quando se joga os dois dados para obter o total que se vai andar. Quando o peão cair numa casinha com uma escada, o peão sobe até o outro extremo dela. Quando cair numa casinha com uma cabeça de serpente, o peão desce até a casa onde está sua cauda. Ficou tão legal e Vini gostou tanto que estou pensando em fazer para dar de lemrabncinha de natal aos amiguinhos da escola dele!

(Clique para ampliar)

2 comentários:

  1. Olha, adorei tua nova foto do perfil. Teus filhos estão enormes! O Vinícius tá parecendo que já tem uns 8 anos! Parece que vai ser um rapaz bem alto. E esses olhinos do Rafael, muito lindinhos.

    Coisas ricas de sogra.

    ResponderExcluir
  2. Eu joguei escadas e serpentes quando era pequeno.

    ResponderExcluir